Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Um blog nunca morre

Imagem
Um blog nunca morre. É como o jogo Tetris. Sempre vai existir alguma coisa para se dizer. As coisas a dizer não tem um fim.
Dia desses fiquei pensando no quanto eu vivi "em estado vegetativo" quando morava na cidade grande. E foi neste estado vegetativo, quase em coma social e isolada do mundo que criei o blog. Voltei para minha cidade e, não sinto mais necessidade de reclamar de nada na Internet. Sinto que tenho mais a agradecer.

No íntimo tudo o que eu queria, nesses quinze anos que estive longe era voltar para terra onde nasci.

Minha vida ficou normal. Os conflitos internos resolvidos. A ansiedade diminuída. A autoestima recuperada. As crises existenciais superadas. Não há mais a necessidade de reclamar ou dissertar sobre o comportamento humano. Minha vida agora é observar e brincar com as pessoas que me rodeiam.

Certo que agora vejo os conflitos sociais mais de perto. Eu trabalho com pessoas ( crianças e adultos ) em vulnerabilidade social e tive que aprender a não som…