Inquietudes

Vocês não sentem uma angústia quando passam muito tempo no Facebook?

Eu acordo bem, de bem com a vida, dando bom dia pras plantas e para minha cadelinha...
Daí eu abro o Facebook, fico mais de uma hora e me dá um aperto, uma angústia, um sei lá o quê...

Eu não sei o que fazer com as informações. Absorvo tudo.

Resolvi desativar o Facebook.  Desativei neste momento.

E a primeira sensação foi de liberdade. Depois eu conto mais sobre as vantagens de não estar nas redes sociais.

...😶

Quem decide o que se lê no Facebook?

O texto é de dois mil e quinze, mas vale apena ler porque a partir dele podemos ver como as coisas pioraram de lá para cá, dentro daquela rede social.

O Ano Zero, um site que eu gosto muito de ler, publicou um dia desses sobre como "Não podemos ficar parados vendo o Facebook destruir a Internet". No primeiro momento concordei com o texto e até pensei em ser uma das que ficariam para ajudar a lutar contra as notícias falsas. Mas não aguentei.

É muito difícil ficar lendo tanta informação que não tem nada a ver com o que se pensa ou o que se quer ler. 

Quem decide o que a gente lê por lá é sempre o Facebook. E enquanto estivermos lá serão os algoritmos  os que vão decidir o que se lê. E como diz o texto do medium, o Facebook não quer fortalecer relação nenhuma com pessoas queridas; ele só quer que sejamos cada vez mais dependentes dele.

O que nos prende ao Facebook?

Confesso que, para mim, o que me prende é a facilidade com que a gente pode dizer coisas e as pessoas começarem uma interação imediata. Aqui no blog, muitos leem, mas poucos  ( só a Chica que não me abandona 💗 ) comentam de modo que se possa iniciar uma conversa.

O que te prende ao Facebook?

Felicidade

Felicidade
Quanto mais restrito o nosso círculo de visão, ação e contacto, tanto mais felizes seremos; e, quanto mais amplo, tanto mais frequentemente nos sentiremos atormentados ou angustiados, pois, com essa ampliação, multiplicam-se e aumentam as preocupações, os desejos e os temores.
Aforismos sobre a Sabedoria da Vida 

Arthur Schopenhauer

Sobre o que se lê no Facebook

Gosto muito de fazer listas de coisas. Hoje, vou listar dez coisas que curto ler no Facebook e dez coisas que pulo sem ler


Minha lista de coisas ficou assim: 

Gosto de ler no Facebook. 

1 Fotos de paisagens 
2 Histórias antigas 
3 Manifestações políticas sadias onde todos conversam sem agressão. 
4 Opiniões imparciais sobre os fatos. 
5 Pessoas felizes por alguma conquista.
6 Novidades, curiosidades sobre diversos fatos. 
7 Saber que amigos que não vejo há muito tempo estão bem e felizes 
8 Pessoas desaparecidas sendo encontradas vivas por causa do Facebook 
9 Pessoas que escrevem bastante em seus murais, filosofando sobre a vida. 
10 Experiências de vida onde se pode tirar uma lição para a vida da gente. 

Coisas que eu pulo sem ler 

1 Fotos de gente ou animais estraçalhados. 
2 Lavação de roupa suja. 
3 Todo tipo de agressividade. 
4 Compartilhamento de notícias falsas. 
5 Compartilhamento de fotos de supostos agressores, porque pode ser mentira. 
6 Indiretas. Seja lá para quem for. 
7 Coisas sobre Igrejas, já que não tenho nenhuma igreja. Penso que a religiosidade é particular de cada um, assim como o ato sexual. 
8 Gente que acha que somente a sua opinião é a verdadeira e que possui a medida de todas as coisas. 9 Notícias sobre tragédias, porque não vou conseguir fazer nada lendo sobre. 
10 Fanatismo de qualquer tipo. 

E você? O que teria na sua lista?

Veja os novos modelos do blogger

Blogger, eu te amo! Te amo há dez anos.💓

Tinha levantado meio triste, hoje. Com aquela vontade de sair de vez da Internet. 
Tantas coisas ruins acontecendo e eu não queria ficar sabendo de nada. Já me bastava as atribulações da vida normal. 

Não queria encher meu espírito com coisas que aconteciam longe de mim. E coisas que não poderia ajudar, somente me entristecer pelas pessoas.

Daí eu abro o blogger, para deixá-lo invisível. Invisível, para que não precisasse mais, me preocupar com ele. Depois eu ia cancelar as contas nas redes sociais...


E no que abro o blogger, a surpresa: "Conheça os novos modelos do blogger."

E nem é preciso dizer que me senti motivada para continuar com o blogger e com as reflexões na Internet. 

Logo eu que amo trocar o layout por um novo, a cada semana. 😊

Eu sempre amei o blogger. Embora tenha experimentado todas as outras plataformas para blogagem, o blogspot nunca saiu do meu coração. 💘